Visita para poderes saber mais sobre mim ;)

quarta-feira, 3 de maio de 2017

ESTÁ NA HORA DO RUSTY TROMBONE



Não, não é um cantor nem ator, ainda que possa parecer. É um termo utilizado para designar a conjunção do beijo grego à masturbação.


O rusty trombone é o nome caricato que se dá à junção do beijo grego (estimular o ânus do parceiro com a boca e lambidelas) com o ato de masturbar. É um movimento que requer alguma agilidade, coordenação e ritmo e, tal como o 69, é fácil de perder o foco. Mal comparando, mas é quase semelhante a bater na própria cabeça enquanto esfrega a barriga.
A posição mais comum para quem vai dar e receber é exatamente igual. Quem recebe deve estar de pé e com as pernas ligeiramente afastadas e quem dá deverá estar de joelhos e atrás de quem recebe. De seguida, é só partir para a ação e estimular o ânus do parceiro enquanto o masturba.
Caso já tenha à vontade suficiente com o parceiro e sejam dos que gostem de estar sempre a experimentar coisas novas, possivelmente o que vai ser descrito abaixo não será grande novidade, mas se nunca experimentou leia as dicas e fique a saber mais sobre aquilo que pode ser uma combinação muito quente e explosiva.
Conversar
Há homens que ainda têm alguns preconceitos sobre o beijo grego, massagem prostática, enfim... tudo o que envolva a região anal. Não obstante, há também muitas mulheres que ainda não se sentem totalmente confortáveis em relação ao assunto. O casal deve estar aberto a experimentar e para isso é conveniente que falem um com o outro acerca de receios, nojo ou qualquer outra questão. Esclareçam que a estimulação anal no homem nada implica com a sua virilidade; tomem um banho juntos antes de o fazerem (também será um excelente preliminar); até que ponto no beijo grego estão dispostos a ir (só lamber ou ir mais profundo com a língua); etc...
Higiene
Convenhamos... quer se tenha prática ou não, o asseio nunca fez mal a ninguém, muito menos com um beijo grego à mistura por isso...
Acessórios
O único que precisam é de lubrificante. Anéis nas mãos devem sair e o batom da boca também.
Optem por um lubrificante (os híbridos têm maior tempo de duração) para a masturbação, uma vez que a saliva não vai ser opção. Podem colocar nas mãos, no pénis ou vagina e, caso achem necessário, no ânus.
Como fazer
A posição mais comum, tal como referido acima, é o parceiro em pé com as pernas ligeiramente afastadas e o outro agachado atrás. Tal como no ato sexual não devem ser apressados, aqui muito menos, principalmente se é a primeira vez. Acaricie o parceiro enquanto vai “dançando” e andando à volta dele, por exemplo. Vá descendo devagar, finja que vai fazer-lhe sexo oral, vire-o subtilmente, passe a mão, a boca, a língua pelo corpo, enfim... seja sensual e apimente a situação. Quando estiver agachado vá começando aos poucos e não se esqueça do lubrificante. Lamba as bordas, mas não como se estivesse a lamber um gelado e sim como se estivesse a lamber um circuito feito com algo doce até chegar à zona anal. Aqui faça pequenos círculos com a língua, lamba e, consoante o que conversaram, enfie a língua ou não. Ao mesmo tempo utilize ambas as mãos para masturbar o parceiro ou então utilize só uma e use a outra para intercalar com a língua (em vez de enfiar esta no ânus, pode sempre usar o dedo)


Sem comentários:

Enviar um comentário